TV Destaque Nacional
Terra, Ar & Água

Novos voos entre Brasil e Argentina

A partir de julho de 2022, novos voos da Aerolineas Argentinas ligarão São Paulo e as cidades argentinas de Salta e São Miguel de Tucumán.

Publicada em 18/04/22 às 10:25h - 166 visualizações

por José Oswaldo Cascino Cardoso


Compartilhe
Compartilhar a notícia Novos voos entre Brasil e Argentina  Compartilhar a notícia Novos voos entre Brasil e Argentina  Compartilhar a notícia Novos voos entre Brasil e Argentina

Link da Notícia:

Novos voos entre Brasil e Argentina
O Boeing 737 Max fará o voo entre as cidades de São Paulo e Salta, na Argentina.  (Foto: Passageiro de Primeira)




Com três novos voos semanais, a companhia aérea Aerolineas Argentinas reativará as ligações entre Brasil e Argentina para retomar parte dos voos pré-pandemia entre os dois países. As novas conexões foram anunciadas pelo diretor comercial da companhia argentina, Fabián Lombardo, durante a feira de turismo WTM Latin America, que aconteceu em São Paulo no início do mês de abril.


Para voar entre São Paulo e Salta, foi escolhido o Boeing 737 Max, que tem capacidade para 170 passageiros. O novo destino entra em operação no dia 4 de julho e fará a conexão entre Tucumán e outros destinos argentinos. Passageiros vindos de outras cidades brasileiras poderão fazer conexão em São Paulo, em voos operados pela Gol.


Graças ao trabalho do ministro do Turismo e Esportes, Matias Lammens, e do embaixador da Argentina no Brasil, Daniel Scioli, a Argentina reafirma o processo de reativação no mercado. “É algo histórico para a província de Salta e o setor privado será o verdadeiro protagonista para aproveitar esses novos voos, com o apoio do setor público. Até 21 de março, mais de 400 mil brasileiros entraram na Argentina, o que marca uma recuperação de 25% em relação à pré-pandemia”.


“Vemos um aumento constante no número de turistas brasileiros que visitam nosso país. Se contarmos apenas o mês de março e compararmos com o mesmo período de 2019, na pré-pandemia, temos atualmente um aumento de 35% de turistas do Brasil. Temos um plano consolidado no mercado brasileiro, pela importância que tem para nós e vamos trabalhar muito com a embaixada e consulados para promover a Argentina”, afirmou Ricardo Sosa.


Com capacidade para 170 passageiros, o Boeing 737 Max da Aerolíneas Argentinas entra em operação no dia 4 de julho. Foto: Divulgação


Segundo o governador de Salta, Gustavo Saenz, isso dá aos turistas a oportunidade de conhecer os belos destinos de nossa província e também todos os destinos do norte da Argentina. “Essa rota aérea gera grande responsabilidade em quem trabalha no turismo. Eles nos chamam de ‘Salta, a linda’ por um motivo, e nisso temos de trabalhar lado a lado, entre os setores público e privado”.


São Paulo a Buenos Aires, que tem 21 voos semanais desde o início de abril até julho, passará a ter 28 voos semanais do Rio de Janeiro a Buenos Aires. Outra mudança será os quatro voos semanais de São Paulo a Bariloche. O diretor comercial da Aerolineas Argentinas, Fabian Lombardo, disse que a empresa recuperou as 76 rotas e os polos de Aeroparque e Córdoba no pós-pandemia.


“Os voos do Brasil para o Aeroparque são de extrema importância, pois desse aeroporto é feita a conexão com o resto da Argentina. Conectamos sete destinos no Brasil com a Argentina e já temos 73% da oferta de assentos pré-Covid. Dessa forma, aumentam-se as frequências para o principal mercado emissor de turistas a Argentina para a temporada de inverno no país”, contou Lombardo.




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (11) 98793 6605

Copyright (c) 2022 - TV Destaque Nacional