TV Destaque Nacional
Gastronomia em Destaque

Do zero ao melhor do Novo Mundo

Em poucos anos, a vinícola Guaspari cultiva uvas em Espírito Santo do Pinhal (SP) e é premiada como um dos melhores vinhos do mundo.

Publicada em 04/05/22 às 14:53h - 84 visualizações

por José Oswaldo Cascino Cardoso


Compartilhe
Compartilhar a notícia Do zero ao melhor do Novo Mundo  Compartilhar a notícia Do zero ao melhor do Novo Mundo  Compartilhar a notícia Do zero ao melhor do Novo Mundo

Link da Notícia:

Do zero ao melhor do Novo Mundo
 (Foto: Divulgação)




As terras de Espírito Santo do Pinhal, no Interior do Estado de São Paulo, historicamente são dedicadas ao cultivo do café. Séculos e mais séculos são cultivadas com os grãos arábica, os mais nobres entre os cafés. Em meio aos cafezais surge o projeto Guaspari cuja meta é produzir um vinho brasileiro de altíssima qualidade, motivo de orgulho para o Brasil.

Foto: Divulgação

O projeto teve início após a identificação de um terroir (conhecido pelo conceito complexo terroir reúne conjunto de fatores que influenciam na produção de um vinho) em uma antiga fazenda de café. Em 2004, foram plantadas as primeiras videiras em caráter experimental e em 2006 foram implantados os primeiros sete hectares de vinhedo. A escolha de Espírito Santo do Pinhal para implantar um projeto de vinícola se deu, pois as terras e o clima pinhalenses são considerados a “Toscana” brasileira.

Foto: Divulgação

Hoje, 18 anos depois, a Guaspari coleciona mais de 30 prêmios nacionais e internacionais e é a única vinícola do País a ter conquistado lugar na capa em uma das publicações mais importantes do segmento, a Decanter Magazine, colocando o Brasil ao lado de tradicionais países produtores da América do Sul, como Argentina, Chile e Uruguai. A vinícola ocupa lugar de destaque na viticultura brasileira quando se fala de qualidade e inovação. 

Com uma produção de cerca de 120 mil garrafas/ano, a Guaspari é uma vinícola butique que conta com renomados profissionais com experiência internacional e uma equipe de dedicados talentos locais que aliam capacidade criativa à pesquisa, à tecnologia e a insumos de primeira qualidade para produzir vinhos de excelência, nos quais o cuidado em cada detalhe faz a diferença.  

Foto: Divulgação

Os vinhos – Tendo iniciado sua produção com rótulos de Syrah e Sauvignon Blanc, a Guaspari atualmente oferece três linhas de vinhos – Vale da Pedra, Vista e Terroir – que apresentam outras variedades feitas a partir de mudas de clones franceses, para diferentes paladares e momentos.  Todos de excelência.  

A Guaspari trabalha com a uva Sauvignon, e também o primeiro Chardonnay Vista do Lago. Mas a vinícola Guaspari cultiva uma grande variedade de uvas. A predominante Syrah (49%), Sauvignon Blanc (11%), Chardonnay (10%), Viognier (10%), Cabernet Franc (8%), Cabernet Sauvignon (7%), Pinot Noir (4%) e Merlot (1%).

A Syrah e a Sauvignon Blanc deram origem à primeira safra comercial da Guaspari, lançada em novembro de 2014. Em 2015 foi produzida a primeira safra do Rosé e em 2016 foi lançado o Viognier Vista do Bosque. Já em 2017 houve o lançamento do corte Bordeaux, com Cabernet Franc e Cabernet.

Foto: Divulgação

O pioneirismo e a determinação da Guaspari já rendem frutos para a região de Espírito Santo do Pinhal, que começa a se transformar em polo produtor de vinhos de qualidade, atraindo novos empreendedores, chamando a atenção de enófilos e turistas e ampliando as oportunidades locais de trabalho.  

Além de vinho, a Guaspari também é produtora de café arábica de altíssima qualidade, produzido com o mesmo rigor que já caracteriza a marca. Trata-se de um especial café de altitude, ganhador de vários prêmios, com pontuação entre 86 e 84, tendo sido considerado um dos quatro melhores cafés da região.  

Os premiados – Em pouco tempo a Guaspari teve seus vinhos premiados, apontados com complementos nacionalmente, em dezembro de 2013, o vinho Guaspari Syrah – Vista da Serra 2011 foi apontado como um dos Melhores Vinhos do Novo Mundo, no ranking do crítico Jorge Lucki e eleito o melhor vinho tinto nacional na categoria “Soberano”, a mais alta entre todas. 

Após o lançamento, a vinícola Guaspari participou dos “Palais de Grand Cru” todos os anos e participará com seus vinhos para os mais importantes concursos mundiais. A vinícola teve seus vinhos postos à prova com produtores icônicos do mercado mundial, tais como Pierre Lurton (Chateau d’Yquem e Château Cheval Blanc), Don Pablo (Vega Sicilia), Luis Pato e Angelo Gaia, entre outros. 

O Syrah Vista da Serra 2017 foi avaliado com 95 pontos pelos Masters of Wine Dirceu Vianna Jr, Alistair Cooper e Peter Richards, ficando entre os quatro melhores na categoria Syrah. Em outubro de 2020, o rótulo foi capa da Decanter Magazine, uma das revistas mais importantes do segmento. 

Foto: Divino Guia

O Syrah Vista do Chá recebeu a medalha de ouro no Decanter World Wine Awards nas edições 2016 e 2017, com pontuação de 95 pontos, tornando-se o único vinho brasileiro já premiado com o ouro no maior e mais renomado concurso internacional de vinhos que acontece em Londres, na Inglaterra. 

A linha Vale da Pedra conta com o tinto feito da variedade Syrah e o branco de Sauvignon Blanc e a linha Vista, com as variedades Syrah, Sauvignon Blanc, um corte de Cabernet Franc e um corte de Cabernet Sauvignon, Chardonnay e Viognier, além da Terroir, com uma edição extremamente limitada de Cabernet Franc e Pinot Noir, e do primeiro vinho engarrafado pela vinícola, o Syrah 2010.   

Wine Bar – Quem quiser conhecer um pouco mais dos vinhos da vinícola, pode optar pela degustação do Wine Bar, de quinta a domingo. São seis mesas de até quatro pessoas e quatro lugares no balcão, divididos em dois turnos, das 10h às 13h30 e das 14h às 18h.

No Wine bar são servidas taças (150ml) e garrafas dos rótulos Vale da Pedra branco, Guaspari Sauvignon Blanc Vista do Café, Guaspari Viognier Vista do Bosque, Guaspari Chardonnay Vista do Lago, Vale da Pedra tinto, Guaspari Syrah Vista da Serra, Guaspari Cabernet Franc Cabernet Sauvignon Vista da Mata, Guaspari Syrah Vista do Chá e Guaspari Cabernet Franc. 

Foto: Divulgação

Também é possível realizar diferentes tipos de degustação: Degustação Brancos (Vale da Pedra, Guaspari Viognier Vista do Bosque e Guaspari Chardonnay Vista do Lago) e degustação Tintos (Vale da Pedra tinto, Guaspari Syrah Vista da Serra e Guaspari Cabernet Franc Cabernet Sauvignon Vista da Mata).

O cardápio conta com outras bebidas como água natural e com gás, suco de uva integral e café especial de altitude Guaspari. Para degustar, são oferecidas três opções de tábuas que acompanham pães, azeite e chutney de manga: Tábua de embutidos Salamanca (com salame italiano, jamón serrano e copa), Tábua de queijos e Tábua Mista, além de uma opção de tapa (pão com tomate e jamón) e sobremesa (Bolo da Fazenda). São necessárias oito pessoas para que as visitas aconteçam.




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (11) 98793 6605

Copyright (c) 2022 - TV Destaque Nacional